Les macarons

Doce francês que nos últimos anos se tornou hits de todas as confeitarias da França , atravessando fronteiras fazendo sucesso em varias partes do mundo como nos EUA e agora no Brasil . Ele é um doce arredondado que ao mesmo tempo é macio (por dentro )e crocante(por fora).

Ele é feito de uma base de suspiro junto com farinha de amêndoa ( aqui no Brasil na versão castanha de caju) .

Seu charme de beleza e cores dão um toque especial  a decoração , finalizando com seu sabor   inesquecível , misturado com o crocante da casquinha e a maciez de dentro  que derrete na boca. Os sabores são variados , cada cor corresponde a um novo aroma. Com essas características, o macaron conquista nossos sentidos

Existem varias formas a ser servidos: sobremesa (podendo fazer o tamanho grande ,ou mesmo médio com recheios variados e frutas ou com sorvete /sorbet ), na mesa dos docinhos colocados em forminhas, em taças de vidro ou porcelanas  e como lembrança  ou presente  em caixinhas ou embalagens especiais.

Chez Denise Lerario

História do macaron:

A palavra macaron vem do termo italiano maccherone, que significa pasta que por fim “massa fina”. São considerados macaron todos os biscoitos que tem como base da Pasta farinha de amêndoas. Ao contrário do que todos pensam esta delícia não nasceu na França sua origem é Italiana , mais precisamente da Veneza renascentista.

Os franceses foram apresentados aos macarons no séc. XVI, trazidos pela comitiva de Catarina de Médicis. Naquela época, a receita era mantida em segredo e só a nobreza podia degustar essas delícias,até que um dia, uma congregação de irmãs carmelitas da cidade de Nancy, no Nordeste da França, descobriu o segredo: farinha de amêndoas, açúcar e claras de ovos eram a fórmula mágica para preparar os macarons.

Elas foram as primeiras a reproduzir a receita, no convento Saint-Sacrement e, após a Revolução Francesa (1789), várias congregações passaram a fazer o mesmo. Resultado: os macarons se popularizaram por toda a França e ganharam várias versões.. Foi então que o macaron recebeu uma maior importância , por isso dizemos ser um doce tipicamente francês .

Para os franceses existem vários tipos de macarons mas o que se tornou sençação em todos lugares foi o macaron de Paris , Gerbet.

Foi no começo do século xx que Na maison Laduree que apareceu a ideia de colar 2 partes de macarons colados com ganache assim então surgindo o macaron parisiense .

No momento o macaron é um sinônimo da pâtisserie francesa que cada estação eles dão novas cores e novos perfumes , e uma criação em função da outra , criando varias tonalidades de cores combinado com seus sabores .A cor constitui um efeito essencial a sedução . Como se diz na Maison Laduree : a gourmandise continua sinônimo de beleza.